Política

Extrema esquerda queima bandeiras de Israel e dos Estados Unidos em protesto. Deputado Fred Rodrigues diz que encaminhará vídeo as embaixadas

Veja vídeo na íntegra do momento em que esquerdistas queimam as bandeiras de Israel e dos Estados Unidos

O deputado Fred Rodrigues (DC) usou a tribuna na tarde dessa terça-feira, 31, para falar sobre os atos da extrema esquerda queimando as bandeiras de Israel e dos Estados Unidos, na noite dessa segunda-feira, 30, em Goiânia.

Os manifestantes defenderam os atos dos terroristas do grupo Hamas, o deputado estadual Mauro Ruben (PT) esteve presente no ato.
“A queima da bandeira representa a queima dos interesses imperialistas, dos interesses do grande capital, da exploração, da subjugação dos povos. A queima da bandeira é um ato de resistência da Palestina. Viva a heróica resistência do povo palestino! Viva a heróica resistência do povo palestino!, disse o manifestante esquerdista no vídeo reproduzido no plenário.

Após a reprodução do vídeo da manifestação em que as bandeiras de Israel e dos Estados Unidos são queimadas o deputado Fred Rodrigues rebateu, “dentro do estado de Goiás, na nossa capital, uns extremistas queimando a bandeira de Israel, e de praxe também queimando a bandeira dos Estados Unidos, adoram passar férias em Nova York e na Disney, mas depois vem queimar a bandeira dos Estados Unidos, pelo amor de Deus gente, quanto tempo a gente vai ter que passar, ter que dar espaço para quem defende terrorista”, enfatizou o parlamentar.

Rodrigues ainda acrescentou, “É isso que o estado de Goiás está passando para o mundo? Aqui a gente queima a bandeira de Israel, e sempre o mesmo subterfúgio, ai estamos defendendo a Palestina, estamos defendendo o povo palestino, não, não estão, vocês estão alisando, vocês estão passando pano para a ação terrorista do grupo Hamas, toda vez que um grupo faz um protesto como esse, o Hamas celebra, porque ele sabe que eles têm licença para matar mais inocentes, para sequestrar mais inocentes, para degolar mais bebês”.

“Goiás não é isso aí. Não é essa intolerância, não é esse protótipo de nazismo”, repudiou o parlamentar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *